IMAGEM DE CAPA - BLOG
O que são vinhos biodinâmicos?

O que são vinhos biodinâmicos?

Antes de tudo, um vinho é considerado biodinâmico se, e apenas se, o produtor praticar a agricultura biodinâmica em seus vinhedos. Portanto, a pergunta certa seria: o que faz um vinhedo ser biodinâmico?

Biodinâmicos são os vinhedos cultivados de acordo com as regras da Antroposofia. O conceito por trás dessa forma de agricultura baseia-se nas relações harmoniosas entre todos os elementos que compõem o vinhedo, ou seja, o equilíbrio entre o solo, as plantas, os animais, o ser humano e os cosmos (representados pela luz e calor e pelas as estações do ano, aspectos que atuam diretamente no ciclo de vida do terroir).

A busca por esse equilíbrio confronta diretamente com o uso de pesticidas e fertilizantes industriais. A terra, diferente do que muitos pensam, é um sistema vivo e muito complexo, com suas próprias teias de seres vivos e cadeias alimentares. Ela é capaz de nutrir as plantas que crescem dela e, consequentemente, gerar frutos saudáveis, se for manejada corretamente.

O objetivo é assegurar a saúde do vinhedo e, consequentemente, do ser humano, o que só é possível na busca de uma terra saudável, com vida, fertilizada naturalmente pelos seus próprios ciclos internos e pela sua biomassa.

Entenda qual é a diferença entre o vinho orgânico e o biodinâmico

Lendo a primeira parte da nossa matéria pode parecer que o conceito de biodinamismo é muito semelhante ao da agricultura orgânica. Afinal, qual a diferença entre esses dois conceitos?

Os vinhos orgânicos são aqueles que vetam a utilização de produtos industriais, como agrotóxicos, conservantes e fertilizantes, tanto no controle no vinhedo, ou seja, na viticultura, quanto na produção do vinho, ou seja, na vinicultura.

Já o biodinamismo exige, além das práticas orgânicas, o manejo do vinhedo como um ecossistema. Ele é alimentado com compostos vegetais, animais e minerais, e bichos de todos os tipos e espécies nativas são convidados a passear entre as videiras, fertilizando o solo e podando naturalmente as plantas. Além disso, são estudados com afinco as fases da lua e os ciclos da natureza, para manter o maior respeito possível aos equilíbrios naturais do campo.

Os produtores de vinhos biodinâmicos usam a própria natureza para ajudar na agricultura, utilizando de meios naturais para obter o melhor produto final. Para isso, chás naturais servem como auxiliadores na mineralização do solo, rosas são plantadas entre as videiras para controlar a proliferação de pragas e o engarrafamento da bebida é feito de acordo com os ciclos lunares, garantindo o equilíbrio do solo. Ou seja, até mesmo os aspectos energéticos e astrológicos entram na produção do vinho. Incrível, não?

Resumindo: todo vinho biodinâmico é orgânico, mas nem todo o vinho orgânico é biodinâmico.

O mercado de vinhos biodinâmicos ainda é pequeno no Brasil, mas selecionamos três locais em São Paulo que vendem essas maravilhas engarrafadas. E aí, Topa?

Clique e conheça mais!

METAPUNTO 

GRAND CRU

WORLD WINE

Fonte: Blog Grand Cru


Postagens Relacionadas

O que são vinhos biodinâmicos?

O que são vinhos biodinâmicos?

As práticas sustentáveis têm ganhado força no Brasil e no mundo. No universo vinícola não é diferente: a agricultura cria uma geração de consumidores conscientes, que busca cada vez mais aliar seu bem-estar ao cuidado com o meio ambiente.

Ler mais
Alternativas sustentáveis ao absorvente descartável

Alternativas sustentáveis ao absorvente descartável

Uma única mulher tem cerca de 450 ciclos menstruais ao longo da vida. Isso resulta em 12.000 absorventes, o equivalente à 180 kg de lixo, que leva 500 anos pra se decompor. O que fazer? Confira!

Ler mais
Dicas simples (e inusitadas) para cuidar das suas plantas

Dicas simples (e inusitadas) para cuidar das suas plantas

Você é praticamente um jardineiro do lar? Enche sua casa de vasinhos, mas sempre acaba se decepcionando quando uma ou outra não sobrevive? OPA! Anote estas dicas simples (e algumas inusitadas) e acompanhe o crescimento das suas plantinhas <3.

Ler mais